Multifeira Brasil Mostra Brasil ignora greve, Copa, eleição e cresce

O diretor da Multifeira Brasil Mostra Brasil, Wilson Martinez, afirmou, ontem, que o evento não sofrerá qualquer efeito negativo em razão da paralisação dos caminhoneiros, que trouxe prejuízos milionários para diversos segmentos produtivos do País. Segundo ele, a programação da Multifeira estava praticamente fechada e a projeção é de que em dois anos o evento comece a ocupar novas áreas do Centro de Convenções de João Pessoa. A estimativa é de que cerca de 120 mil pessoas passam pelo complexo de eventos de 20 a 29 de julho.

A Multifeira está completando 24 anos de forma turbinada. Para esta nova versão, que foi lançada ontem, há muitas novidades, como um expositor que irá lançar a grife Rota do Ar – de moda masculina e feminina infantil – e oferecerá sobrevoos de helicóptero na área do entorno do Centro de Convenções. As mulheres empreendedoras também serão contempladas com um espaço maior para a comercialização de seus produtos.

A Brasil Mostra Brasil é um evento bastante aguardado não apenas para quem buscar novidades e preços acessíveis, mas também para quem aposta em uma vaga de trabalho temporário e, pelo desempenho, até a contratação definitiva. Da montagem dos estandes até a equipe de vendedores, são abertas cerca de mil oportunidades com salários que são combinados entre os futuros empregados e as empresas contratantes.

Wilson Martinez afirmou ainda, que o incremento da Copa do Mundo um mês antes da Multifeira não influenciará de forma negativa ou positiva, independente do resultado da seleção brasileira. O fator político-eleitoral também não terá influência no humor dos consumidores. Segundo ele, o evento já está no calendário das pessoas, que se preparam de forma antecipada para irem às compras, assim como os empresários, que apostam no crescimento das vendas, entre 5% a 7% este ano.

Entre as autoridades presentes no lançamento da Multifeira, a presidente da PBTur (Empresa Paraibana de Turismo), Ruth Avelino, disse que o evento pode atrair visitantes de outros Estados e pediu para que a imprensa, convidada para o lançamento, ajudasse na divulgação, pois, apesar do momento de crise econômica, o empreendedorismo das empresas que irão participar do evento foi mais forte.

Fábio Cardoso

Print Friendly, PDF & Email

Matérias relacionadas

Comments

comments