Projeto de economia criativa do Sebrae será apresentado aos prefeitos de nove municípios

O projeto de Economia Criativa desenvolvido pelo Sebrae Paraíba será apresentado aos prefeitos dos nove municípios que serão contemplados pela iniciativa. A apresentação será feita durante reuniões com os gestores de João Pessoa, Cabedelo, Santa Rita, Campina Grande, Remígio, Matinhas, Patos, Santa Luzia e São Mamede. A primeira reunião será nesta terça-feira (10) em Cabedelo e o calendário segue até o dia 24, com uma reunião na capital paraibana.

De acordo com a gestora de turismo do Sebrae Paraíba, Regina Amorim, o projeto de economia criativa desenvolvido no Estado vai trabalhar os segmentos de audiovisual, música, startups digitais, comunicação, tecnologia da informação e design. “Na reunião, os prefeitos serão apresentados aos objetivos do projeto, à justificativa e às ações, bem como aos recursos financeiros e à contrapartida financeira de cada município que será contemplado com a geração de negócios criativos”, explicou.

Segundo dados da Organização das Nações Unidas (ONU), a economia criativa é um setor estratégico que já representa 10% do PIB mundial. A economia criativa trabalha com recursos como criatividade, cultura, conhecimento e tecnologia, que se renovam e multiplicam, em vez de serem escassos.

O setor inclui as áreas de: áudio visual (cinema, televisão e publicidade), design, música, startups digitais (games, aplicativos) e tecnologia da informação e comunicação, artesanato, arte popular, festa popular, arte visual, arte cênica, editoração, moda, arquitetura, gastronomia e outras. Até 2020, o comércio mundial de bens e serviços criativos deve movimentar US$ 6 trilhões de dólares.

Datas das reuniões com os municípios:
Cabedelo: 10 de julho
Matinhas: 11 de julho
Santa Luzia: 13 de julho
Patos e São Mamede: 16 de julho
Remígio: 17 de julho
Campina Grande: 19 de julho
Santa Rita: 20 de julho
João Pessoa: 24 de julho

Assessoria de Imprensa do Sebrae-PB

Print Friendly, PDF & Email

Matérias relacionadas

Comments

comments